22 maio 2006

eternal sunshine of the spotless mind


ontem vi este filme outra vez. lembrava-me que gostava, mas já não me lembrava do tanto. gosto tANtO!

7 comentários:

vera lu disse...

eu também....:D :D!

Claudia disse...

mmmm eu odiei-o do fundo do meu ser qd o vi! vinha a raivinha do Adaptation. Mas, c o tempo acho q gosto dele... é estranho! mas há coisas q são assim! Têm que se mastigar!

tenho q ver isto outra vez!

Isabel disse...

Eu chorei baixinho durante toda a viagem de táxi desde a porta do cinema no Saldanha Residence até à Rua da Aliança Operária na Ajuda...

É tão bonito este filme!

Beijinhos :)

Isabel

Headache disse...

Posso estar a ficar cínico ou apenas demasiado esperto, mas adivinhei o twist e mais ou menos o desenrolar da história ao fim de 15-20 minutos (o meu irmão já o tinha visto e foi confirmando todas as minhas suposições).

Acho que os filmes de hoje em dia cada vez mais estão demasiado conectados a uma fórmula da qual não sou propriamente apreciador.

Mas podia ser bem pior e estarmos a falar do "Cidade dos Anjos", ou como eu o chamo pessoalmente, "A Queca Mágica". :P

purpurina disse...

percebi o que se estava a passar em pouco tempo, mas isso não me estragou o filme.

não tem de ser tudo inesperado para ser bom.

o sr. wim wenders talvez quisesse outra coisa, mas o cidade dos anjos é filme de sábado à tarde com pipocas e tempo morto para preencher. e é para meninas. nesse sentido acho que basta. e, embora meta anjos, não se vêem cães a jogar basquete ou assim. quanto a mim já ganha muitos pontos só por isso.

mas não tem mesmo nada a ver com este, pois não?

Headache disse...

Não, não tem :P

Mas deu-me "inspiração divina" para ir fazer um post sobre o Cidade dos Anjos :P

NoKas disse...

tb adorei o filme! é mto cru, em alguns aspectos... pena na vida real a maioria das pessoas não estar disposta a dar-se ao trabalho.....